Início Artigos “8 Passos Para Rappers Independentes Terem a Sua Música Ouvida”

“8 Passos Para Rappers Independentes Terem a Sua Música Ouvida” [Por: @Cfkappa]

0

Cfkappa

Cresce cada vez mais o número de jovens que aspiram se tornar membros da cultura Hip Hop assíduos e reconhecidos pelo seu esforço, porém, o número exponencial do crescimento destes jovens torna o mercado cada vez mais competitivo. Em outras palavras, quanto mais jovens sonham se tornar rappers, mais rappers existirão, mais músicas existirão, e se vai tornar cada vez mais difícil ouvir a todos, principalmente se seguirem as mesmas tendências e enfim, soarem a mesma coisa.

Então, se as pessoas não ouvem a tua música como queres, não tens um irmão que seja blogger, as rádios não passam, e a tua label só é constituída por 1 elemento, o que fazer para mudar? Para alguns a resposta seria: vamos atacar os bloggers e rádios por não postarem as músicas. Para mim, a resposta é… acaba de ler este post.

Em toda a actividade em que haja muita competição, é necessário às vezes parar, e pensar no quê que te vai tornar diferente dos outros. Para o caso do rap, poderá ser o flow, o estilo de insturmentais, a maneira como se apresenta, ou a maneira como se trabalha.

Hoje, darei alguns passos alternativos para teres a tua música aí a rolar, e seres conhecido, sem esperar milagres. Colocando a mão na massa. Considerando que a música já está devidamente gravada e pronta para ser divulgada… Considerando também que você não tem formação alguma em Marketing.

1. Fazer o upload da música em pelo menos dois servidores diferentes. [Grátis]

Hoje existem inúmeros servidores que permitem armazenar ficheiros em links. Considera criar uma conta nesses servidores se possível. Alguns dos que posso agora mencionar são o www.mediafire.com, www.wetransfer.comwww.zippyshare.com, etc.

2. Colocar a música no Soundcloud

O Soundcloud é uma ferramenta gratuita que permite ter um número limitado de músicas arquivados, prontas a serem ouvidas e partilhadas, e ainda permite que os teus ouvintes façam até 100 downloads. Nada mal, pois não? Com o medo das pessoas de gastar megabytes a baixar músicas de desconhecidos, nada melhor que eles terem uma oportunidade de ouvir primeiro, e se realmente gostarem, aí baixarem o som. O Soundcloud é super útil. Basta criar uma conta, fazer o upload da música, e espalhar o link.

3. Ter uma Foto de Artista Editada

À essa altura, sem álbum ou mixtape à vista, pagar por uma sessão fotográfica, ou comprar uma dessas máquinas profissionais, parece mais investimento de modelo/fotógrafo do que de um rapper. Não desanime. Hoje em dia, é fácil encontrar um amigo que tenham um iPhone ou um Samsung Galaxy. Esses dois telefones têm uma qualidade de imagem excepcional. Uma foto bem tirada num desses dispositivos é o primeiro passo para a tua primeira foto “profissional”. Para que ela pareça mesmo profissional, tens de editar, e se calhar nem tenhas ideia de como usar o photoshop, certo? Não desanima. Podes sempre usar o www.pixlr.com.Esse site permite editar as fotos de maneira muito intuitiva. Tenta não dispertar muito o Picasso dentro de ti exagerando nos filtros e nos textos. Evita colocar texto em demasia, evita usar demasiadas cores, e não exagera nos filtros. Essa foto deverá acompanhar todos os lugares onde for a tua música. Evita espalhar milhares de fotos tuas. O hábito visual na mente dos teus ouvintes vai ser um factor importante para ti.

4. Cria um blog e uma Página do Facebook como artista, e uma conta no Twitter

Ter um site profissional pode não ser algo que o teu bolso suporte por enquanto, mas não desanime. Mantém o profissionalismo de um website num blog. Existem ferramentas que permitem criar blogs gratuitamente. Existe o www.blogger.com, o www.wordpress.com, o www.tumblr.com; Cada uma fácil de usar. É importante ter, desde muito cedo, uma página do facebook com o teu nome artístico, e pelo menos uma foto de artista.

5. Envia um e-mail com cabeça, tronco e membros para vários blogs, e os coloque em CCo.

Ora não vamos ignorar a ajuda que é ter os nossos sons postados num destes blogs populares, pois não? Alguns quase completam essa fase com sucesso, excepto que colocam todos os endereços dos blogs na mesma linha de envio. Em qualquer servidor de e-mail, quando se quer enviar e-mails, existe o “Para”, existe o “CC”, e o “CCo”. Deves usar esse último para que o e-mail seja enviado individualmente para cada recipiente, sem parecer que estás a tentar a tua sorte, mas sim a direccionar a cada blog especificamente. Isso ajudará ao blogger se sentir mais valorizado e a ponderar postar o teu som. Não é eficaz a 100%, mas ajuda.
Não esquece de incluir a foto, título e os links nos servidores diferentes.

6. Frequenta eventos de Hip Hop e Socializa

É impressionante o número de pessoas que podes conhecer em eventos de Hip Hop, sem precisares assediar, ou obrigar a ouvir a tua música. Às vezes, ir à eventos como apenas um ouvinte e amante de música pode atrair muitas outras coisas positivas.

7. Leva a tua música ao público

Não te iludas com o público da internet. Tens de sair do mundo cor-de-rosa e ir à luta. Tens de partir o porquinho e conseguir algumas caixas de cds virgens. Ao que me lembro, cada caixa deve conter cerca de dez cds. Consegue algumas caixas, e grava a tua música. Os eventos em que frequentares, sendo que há maior concentração de pessoas que partilham os mesmos interesses que tu, poderá ser uma boa ideia para distribuir a tua música de forma gratuita, sem pedir feedback, sem “puxar o saco” de quem vai receber, na humildade, e na paz. Inclui nele os teus links do blog, facebook, soundcloud,etc.

8. Prepara o Bluetooth… Ou Whatsapp

Prepara-te para passar a tua música na escola, na festa, onde for. Só não sejas chato e insistente. Deixa acontecer naturalmente.

Esses são alguns passos que consigo agora partilhar com alguns MCs que acham que a mídia formal é a única solução para a expansão das suas músicas. Forma uma equipa e discutam novas estratégias massivas sem chatear o teu público, ou infestar os seus murais com links por semana.
Verifica quais métodos melhor funcionam, e esteja preparado para fazer ajustes. Alguns obviamente serão mais eficientes que outros, e é necessário estar atento.

Texto Por: @Cfkappa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here