Início Outros Mundos Outros Estilos Musicais “Top Rádio Luanda 2017” Deixa Muito a Desejar

“Top Rádio Luanda 2017” Deixa Muito a Desejar [Por: Kratos]

2
- Publicidade -Damani Van Dunem - BlyRay Quid Pro Duo

No passado dia 08 de Janeiro, fiquei a saber que o processo de votações do Top Rádio Luanda 2016 já havia começado. Para quem não sabe, o Top Rádio Luanda é um concurso de música angolana que visa premiar várias categorias musicais e os cantores da preferência dos ouvintes da Rádio Luanda.

Abri o www.topradioluanda.com, site oficial do concurso, para ver os artistas que foram nomeados na categoria “Rap do Ano” e fiquei intrigado com a presença de uns e ausência de outros. Mas depois lembrei que era o Top Rádio Luanda e que nesta categoria muitas das vezes eles não fazem ideia de quem nomear. Posso parecer rude, mas pelo menos é essa a ideia que eles deixam transparecer um exemplo claro é que no domingo a noite tinham 6 nomeados nesta categoria e na segunda-feira de manhã já eram 9. Parece-me que houve muitas reacções negativas às ausências de Francis, Extremo Signo e Young Double, que diga-se de passagem, mereciam estar entre os nomeados.

Além deste ponto, gostaria de fazer aqui alguns reparos. Todos estamos sujeitos a erros/falhas, só não erra quem não tenta, a ideia é apontar as falhas e sugerir alternativas:

  • A música D1Luv do Deezy não é Rap, logo, não devia estar a competir na categoria “Rap do Ano”. Tenho noção de que esta afirmação irá mais uma vez abrir um enorme debate nas redes sociais, a verdade é que eu até gosto deste tarracho, merecia estar a concorrer na categoria “Guetto Zouk” e não “Rap do Ano”.
  • Ainda na Categoria “Rap do Ano” questiono a presença da música “Eu Nasci Aqui” do Encyclopédia Negra e creio que não sou o único nesta situação. Nada contra o artista, que até é uma pessoa com quem me dou muito bem, muito menos contra a música em si. O facto é que durante o ano de 2016 esta música não foi referência no seio do movimento Hip Hop (e não só). Acredito que muitos só tomaram conhecimento da existência desta música quando a viram no grupo de nomeados.
  • Na categoria “Voz Masculina Revelação do Ano”, existem grupos a concorrerem quando deviam ser nomeados artistas individuais. Usemos como exemplo a TRX, que é um grupo com cerca de 16 artistas (ou mais) qual das vozes exactamente está a concorrer? Se tivessem nomeado o Emana Cheezy, por exemplo, faria mais sentido mas nomear um grupo para voz revelação não é o mais adequado. Outra opção seria alterar o nome da categoria para “Artista/Grupo Revelação Masculino”, aí os nomeados já fariam mais sentido.
  • A categoria “R&B” contém apenas 1 concorrente, se não há concorrentes suficientes mais vale eliminar a categoria. O certo é que afinal há sim concorrentes mas não foram nomeados, Dji Tafinha e Anselmo Ralph, são só dois exemplos de artistas que deviam estar nesta categoria.

  • Há categorias em que não foram indicadas as músicas que os artistas estão a concorrer. Por exemplo, na categoria Guetto Zouk não se sabe qual é a música do Landrick que está a concorrer. Isto pode ser prejudicial para o concorrente, o público acabará na maior parte das vezes por optar por outra música conhecida.

Estes são alguns dos pontos críticos que encontrei, pode ser que me tenha passado algum, o resto dos reparos que tenho, como a escrita errada dos nomes de alguns artistas são detalhes.

Sendo o Top Rádio Luanda um concurso muito prestigiado na nossa praça e com uma equipa de organização já com alguns anos de experiência, seria importante não repetir essas falhas nas edições seguintes. Agora só nos resta votar e esperar pelos resultados finais.

Já agora, parabéns a todos os indicados/nomeados.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here